top of page

Fernanda Hassem recebe delegação do Projeto ANDUS para mentoria em Brasiléia



Nesta segunda-feira 29, a prefeita Fernanda Hassem e o Vice-prefeito, Carlinhos do Pelado, recepcionaram a delegação do Projeto ANDUS (Apoio à Agenda Nacional de Desenvolvimento Urbano Sustentável no Brasil), de cooperação técnica Brasil-Alemanha na área da sustentabilidade.


A cidade de Brasiléia foi a única no estado do Acre escolhida pelo projeto para uma visita técnica e participação em mentoria focada em Ordenamento Territorial municipal para cidades amazônicas.


A delegação é composta por diversos profissionais, incluindo Cibele Lima, consultora da Tewá 225, Rafael Silveira, consultor da Travessia, Marcel Santana, Coordenador do Departamento de Estruturação do Desenvolvimento Urbano e Metropolitano do Ministério das Cidades, Sarah Habersack, diretora do Projeto ANDUS na GIZ, e Valentina Tridello, assessora técnica do Projeto ANDUS na GIZ.


O evento, com duração de dois dias, está sendo realizado no auditório da secretaria municipal de Educação, e aborda discussões relacionadas ao plano diretor da cidade, um instrumento fundamental que é revisado a cada quatro anos para orientar o desenvolvimento urbano.



Durante o encontro, a prefeita Fernanda Hassem recebe carta convite do secretário executivo da Frente Nacional de Prefeitos, convidando-a a fazer parte da Comissão Permanente de prefeito e prefeitas de desenvolvimento urbano sustentável da Amazônia.


Este encontro representa um marco significativo para Brasiléia, destacando seu compromisso com o desenvolvimento sustentável e proporcionando uma oportunidade única para aprender com especialistas da área, trocar experiências e fortalecer laços de cooperação.


A prefeita Fernanda Hassem destaca a importância da mentoria presencial sobre ordenamento territorial de cidades Amazônicas. "A nossa equipe está aqui participando para essa troca de experiências e aprendizagem, para que possamos apresentar junto aos ministérios, entre eles, o das cidades, projetos consolidados de cidades que sofrem desastres ambientais e que querem superar esse desafio natural de forma efetiva. A ideia dessa mentoria é pegar toda a nossa cidade essa parte geográfica de Brasiléia tanta cidade como a rural e poder apresentar os diagnósticos de como proceder evitando no futuro transtornos enfrentados pela população com os desastres naturais ocorrido em nosso município”, disse prefeita.


A diretora do Projeto ANDUS na GIZ, Sarah Habersack, enfatizou a colaboração estreita com a prefeitura, liderada pela prefeita Fernanda Hassem, na realização de uma mentoria focada em instrumentos de ordenamento territorial, uso do solo e estrutura do espaço municipal. “Estamos aqui para fazer juntos com a prefeitura liderada pela prefeita Fernanda Hassem, uma mentoria sobre instrumentos de ordenamento territorial, uso do solo, estrutura do espaço dos municípios, e olhando como usar isso para melhorar a resposta do município para acontecimentos extremos, como por exemplo, alagação. Estamos trabalhando para entender melhor como estruturar bem o município”, finalizou.


Galeria de fotos:


0 comentário
bottom of page