top of page
  • Foto do escritorPrefeitura de Brasiléia

Brasiléia enfrenta maior alagação de sua história, deixando mais de 15 mil pessoas afetadas

A Prefeitura lidera esforços para garantir apoio e dignidade às famílias afetadas pela inundação do rio Acre.


A cidade de Brasiléia, localizada no estado do Acre, vive momentos de extrema dificuldade devido à pior alagação já registrada em sua história. Mais de 15 mil pessoas foram atingidas pelo transbordamento do rio Acre, que inundou diversas áreas urbanas e rurais, deixando a população isolada do restante do país.


O transbordamento do rio atingiu níveis críticos, alcançando mais de 15 metros e impossibilitando o acesso terrestre à cidade através da ponte metálica José Augusto, única via de ligação com outras regiões do Brasil.


Essa situação de isolamento agrava ainda mais a crise, já que a ponte é a única para o transporte de mercadorias, suprimentos, medicamentos e combustíveis.


Com quase 15 mil pessoas afetadas, incluindo moradores de 12 bairros e da zona rural, a população enfrenta sérias dificuldades, sendo que cerca de 1.500 pessoas estão alojadas em 15 abrigos improvisados.


Nas áreas rurais, quase mil pessoas de comunidades locais, especialmente na Reserva Extrativista Chico Mendes, foram afetadas pela destruição de pontes, redes de bueiros e ramais.



Diante dessa crise, a prefeita Fernanda Hassem tem liderado uma Força-Tarefa, composta por mais de 400 pessoas trabalhando incansavelmente dia e noite há mais de seis dias. O objetivo é levar auxílio e solidariedade às famílias afetadas, garantindo que tenham pelo menos as necessidades básicas atendidas.


Mais de 3 mil refeições estão sendo oferecidas diariamente nos abrigos e casas de apoio.

A prefeita Fernanda Hassem destacou a importância de garantir a dignidade das pessoas afetadas e afirmou que a prioridade é cuidar das vidas nesse momento de crise.

"A prefeitura está fazendo todos os esforços necessários, eu pessoalmente estou participando de todas as ações para garantir pelo menos dignidade das pessoas, ter as três refeições. A preocupação neste momento é cuidar de vidas, que as pessoas tenham sua dignidade respeitada", afirmou a prefeita Fernanda Hassem.


A gestora disse ainda que a solidariedade, união e as parcerias dos governos estadual e federal tem sido de fundamental importância para ajudar aqueles que mais precisam neste momento.


Galeria de fotos:

Imagens áreas de Geanfranco Aguiar

0 comentário

Comentários


bottom of page